space-the-stars-hd-wallpaper

Salmo 147:1-9

Conta o número das estrelas, chamando-as todas pelo seu nome. —Salmo 147:4

Salmos 35–36
Atos 25

Em um platô acima do deserto de Atacama, no Chile, o maior radiotelescópio do mundo está dando aos astrônomos uma visão inédita do universo. Em um artigo da Associated Press, Luis Andres Henao falou sobre cientistas de muitos países “à procura de pistas sobre o início do cosmos — desde os mais gelados gases e poeira onde se formam as galáxias e nascem as estrelas por energia produzida pelo Big Bang”.

A Bíblia celebra o grande poder e o entendimento infinito de Deus, que “Conta o número das estrelas, chamando-as todas pelo seu nome” (Salmo 147:4). No entanto, o Criador do universo não é uma força indiferente, remota, mas um Pai celestial amoroso que “…sara os de coração quebrantado e lhes pensa as feridas” (v.3). “O Senhor ampara os humildes…” (v.6) e “Agrada-se […] dos que o temem e dos que esperam na sua misericórdia” (v.11).

Ele nos ama tanto, que “…deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3:16).

O autor britânico J. B. Phillips chamou a Terra de “o planeta visitado”, onde o Príncipe da Glória ainda está desenvolvendo o Seu plano.

Nossa esperança para hoje e para sempre está na amorosa misericórdia de Deus, que chama cada estrela pelo nome.

Deus, que sabe o nome de todas as estrelas, sabe também os nossos nomes.

Nenhum Comentário, Deixe um comentário »