Querido amigo,
Ultimamente tenho pensado muito sobre a glória. De uma arena de esportes ao mundo de negócios, para onde quer que olhe, vejo que o natural para muitos é viver e trabalhar para sua própria glória. Todos nós estimamos a admiração e a exaltação que recebemos de outros. Deus, entretanto, nos diz que como cristãos devemos viver para Sua glória. Ele é digno de louvor e exaltação, nós não o somos.
Então, como o glorificamos? O que exatamente significa glorificar a Deus? O dicionário apresenta a definição de glorificar como “revelar ou esclarecer melhor a glória [de Deus] através de ações”.

A melhor forma de fazermos isso é ouvindo a recomendação de Paulo em 2 Coríntios 3:18, “E todos nós, com o rosto desvendado, contemplando, como por espelho, a glória do Senhor, somos transformados, de glória em glória, na sua própria imagem…” Assim como espelhos refletem o que é colocado em sua frente, devemos colocar Jesus sempre à nossa frente. Só então refletiremos Sua glória, que é cheia “…de graça e de verdade…” (João 1:14). Agindo assim, as pessoas verão que nossa caminhada é consistente em relação às nossas palavras, e reconhecerão a bondade de Deus e nos ouvirão quando lhes trouxermos as boas-novas. Assim como um telescópio nos ajuda a ver o céu noturno em toda a sua glória, quando refletimos a imagem de Deus, ajudamos aqueles ao nosso redor a vê-lo mais claramente e Ele é glorificado.

Nesta carta, compartilharemos sobre os parceiros nesta missão que demonstraram o que significa viver para glória de Deus, onde quer que o Senhor os tenha colocado. Junte-se a nós em louvor a Ele, a quem todo louvor é devido.

A Deus seja a glória,

Albert Lee
Diretor Internacional

Baixe o boletim de noticias aqui.