Que te importa?

Quando você assiste ao concerto de um coral infantil, não se surpreende quando as crianças olham para qualquer lugar menos para o maestro. Elas se mexem, contorcem e cutucam umas as outras. Ficam na ponta dos pés para procurar seus pais na plateia, e levantam suas mãos para acenar quando os veem. Eventualmente cantam. Nós sorrimos das suas excentricidades. Esse…

Continua Lendo